TRADUTOR

domingo, 21 de junho de 2020

SISMONARD - PCO, EM DEFESA DO DIREITO DE MANIFESTAÇÃO

Pela imediata e incondicional libertação do companheiro Henrique Simonard, militante do PCO, preso pela PM de Witzel. Nenhum processo contra o companheiro e pelo livre direito de manifestação!

Henrique Simonard, militante do PCO, foi preso pela PM do Estado do Rio de Janeiro. Simonard foi detido nesse domingo, 21 de junho de 2020, durante o ato contra o regime golpista de Jair Bolsonaro.

Companheiro Henrique Sismonard no início do protesto
(vídeos captados do Instagram do PCO)

terça-feira, 16 de junho de 2020

LUGANSK – GREVE DOS MINEIROS

Solidariedade com a ocupação e a vitória dos mineiros de Lugansk!
Trabalhadores: Cuidado com os falsos 'amigos' fascistas da OTAN


Os mineiros da cidade de Antracita, na República Popular de Lugansk (RPL), mais de 100 operários de carvão que estavam em greve na mina de Komsomolskaya há uma semana, desde 6 de junho, alcançaram suas demandas e a empresa pagará o vencimento em atraso devido a eles. Após a repressão desencadeada na semana passada pelas autoridades da RPL, com cerca de 25 prisões de mineiros e ativistas de esquerda, o governo se comprometeu a não processar os grevistas.

domingo, 14 de junho de 2020

DECLARAÇÃO INTERNACIONAL - GEORGE FLOYD

George Floyd foi outro trabalhador assassinado pelo Estado Policial Imperialista, o inimigo mortal dos negros, trabalhadores e oprimidos do mundo

Declaração internacional de militantes e organizações revolucionárias da classe trabalhadora sobre o levante popular antirracista nos Estados Unidos

O assassinato flagrantemente racista de George Floyd no dia 25 de maio, em Minneapolis, desencadeou uma enorme onda de lutas nos Estados Unidos. Uma onda de lutas pelo menos tão grandes quanto as da década de 1960. Aquelas lutas culminaram com o movimento dos Direitos Civis e que anularam em 1965 as leis segregacionistas Jim Crow [que impunham a separação racial nos locais públicos dos EUA]. A segregação foi uma herança da escravidão que havia sido derrotada na Guerra Civil americana. A luta atual é contra os resultados de décadas de reação racista que começou no final da década de 1970, com a ascensão de Reagan, o neoliberalismo e o prolongado giro à direita da sociedade americana. Essa reação continuou sob o governo Clinton, com a expansão da pena de morte e o encarceramento em massa de negros. A reação de direita foi aprofundada ainda mais com a militarização da polícia por George W. Bush e sua "Guerra ao Terror", e não modificada em sua essência pelo governo do primeiro presidente democrata negro, Obama. Com Trump, a reação racista retomou com força e ficou escancarada a partir de 2016.

terça-feira, 9 de junho de 2020

ARGENTINA - NACIONALIZAÇÃO DA MULTINACIONAL VICENTIN

Que Vicentin seja expropiada, sem indenização e sob o controle operário!

Pela nacionalização do comércio exterior pelos trabalhadores!


Reproduzimos abaixo a declaração de nossos hermanos argentinos, da Tendência Militante Bolchevique, acerca da nacionalização de uma das maiores empresas exportadoras de grão do país pelo governo de Alberto Fernandez.


El presidente argentino anunció la nacionalización del holding internacional Vicentin. El grupo Vicentin es la sexta compañía en el mercado de granos del país. En el 2018, Vicentin controlaba el 9 % del total de las exportaciones de granos, harinas y aceites, siendo la multinacional estadounidense Cargill la primera con el 14%. Por lo tanto, Vicentin ocupa un rol importante en ese rubro estratégico económico en Argentina.

quinta-feira, 4 de junho de 2020

VÍDEO - O MARXISMO E A QUESTÃO NEGRA

Da Rebelião por George Floyd a Luta Contra Bolsonaro
O Marxismo e a Questão Negra

https://www.youtube.com/watch?v=4xWor1XsMDo&t=150s


Clique aqui para acessar o vídeo O MARXISMO E A QUESTÃO NEGRA, que reproduzimos dos camaradas do Grupo Emancipação do Trabalho sobre o Marxismo e a Questão Negra.

O assassinato de George Floyd parece ter sido a gota d’água para uma explosão de descontentamento popular nos EUA e no mundo, contra o racismo, o capitalismo e o imperialismo.

terça-feira, 19 de maio de 2020

BOLSONARO FAVORECE AOS MUITO RICOS DURANTE A PANDEMIA

Resposta de Bolsonaro à pandemia favorece os 'muito ricos', diz economista
Fábio Sobral, original publicado em Sputnik, (Áudio). 


A resposta do governo de Jair Bolsonaro (sem partido) à pandemia de COVID-19 privilegia bancos em detrimento das pessoas e terá impacto de grandes proporções, avalia economista ouvido pela Sputnik Brasil.

quinta-feira, 14 de maio de 2020

1888: A REVOLUÇÃO ABOLICIONISTA NO BRASIL

1888: A Revolução Abolicionista no Brasil
Mário Maestri *


O Brasil foi uma das primeiras nações americanas a instituir a escravidão colonial, em 1530, e a última a aboli-la, em 1888. O escravismo dominou dois terços de nossa história. Não houve região do Brasil totalmente à margem da instituição. Apesar da superação do escravismo constituir o mais significativo fato histórico do passado brasileiro, atualmente, o 13 de Maio constitui transcurso pouco celebrado e desvalorizado.

POR QUE O BOLSONARISMO IDOLATRA TORTURADORES?

Por que o bolsonarismo idolatra torturadores?
Publicação do Gposshe



A tortura é quase tão antiga quanto a humanidade. Com o surgimento das classes sociais passou a ser um instrumento constante de repressão, opressão e exploração. A prática de tortura era comum em todas as antigas civilizações da Ásia, África e Europa, inclusive na América Pré-colombiana. Entre os romanos, a tortura era legalizada.

EXPANSÃO DO CONTROLE SOCIAL E NOVO CICLO DE ACUMULAÇÃO

A expansão do controle social e um novo ciclo de acumulação estão germinando da pandemia
Publicação do GPOSSHE



Estamos na transição para um outro ciclo de acumulação capitalista, um fenômeno relativamente novo, um ciclo que nasce através da maior catástrofe planetária desde a segunda guerra mundial. A impotência do capitalismo diante do Covid-19 vem criando muitas expectativas de que a tragédia seria um momento de renovação, que se abriria um período mais solidário, de capitalismo keynesiano, de estatizações, renda básica universal. As ilusões na regeneração do capitalismo pós-coronavírus têm como base material as medidas emergenciais tomadas por uma série de governos.

terça-feira, 12 de maio de 2020

SAUDAÇÃO À LUTA ANTIFASCISTA EM LUGANSK

República Popular de Lugansk comemora seis anos de independência 

Enviamos saudações de solidariedade ao povo trabalhador da República Popular de Lugansk por sua independência heroicamente alcançada em 12 de maio de 2014. Uma vitória sobre o regime ilegítimo e infestado de fascistas imposto pelos agentes dos EUA, da OTAN e da UE na Ucrânia há seis anos.

quarta-feira, 6 de maio de 2020

O SECTARISMO DO WSWS NA QUESTÃO SINDICAL

O ultimatismo do WSWS (ICFI) na questão sindical serve a burguesia imperialista dos EUA 




WSWS é o portal do International Committee of the Fourth International (ICFI). O WSWS, sediado nos EUA, está entre os melhores sites de esquerda trotskista do planeta. Inclusive, nem todos as pessoas que acessam o WSWS, sabem que ele é um site de uma organização trotskista. E menos ainda que essa organização se chama International Committee of the Fourth International (ICFI 
- Comitê Internacional da IV Internacional, em português). Por se dedicar ao mundo virtual, trazem muitas informações e se tornaram especialistas nisso. É preciso reconhecer isso, mesmo não tendo concordância com a análise que fazem dessas informações.

RÚSSIA - OS PRISIONEIROS DO 1o DE MAIO

Prisioneiros do primeiro de maio

Arseny Ermolov - Original em Russo na Revista Rabkor do Instituto de Globalização e Movimentos Sociais (IGSO) 


Infelizmente, as piores previsões sobre o impacto da epidemia de coronavírus na situação política doméstica na Rússia estão começando a se tornar realidade. Indecentes a usar medidas duras onde era realmente necessário impedir a propagação da doença, as autoridades pretendem usar a crise como uma desculpa para aumentar a pressão sobre os movimentos políticos da oposição. Moradores de diferentes regiões da Rússia (e em particular moscovitas) encontraram repetidamente medidas de quarentena difíceis que nem sempre pareciam justificadas e razoáveis, e às vezes eram obviamente contraproducentes. Basta lembrar o conhecido exemplo de uma tentativa de introduzir o controle de acesso em Moscou. Mas até agora não foi possível afirmar que estávamos lidando com medidas conscientes para suprimir as liberdades civis, e não pelos "excessos de executor" ou mau funcionamento do aparato burocrático. Inclusive porque as medidas de quarentena das autoridades de Moscou ainda não foram especificamente direcionadas contra seus oponentes políticos. Isso foi até 1º de maio deste ano.

AOS 202 ANOS, MARX NÃO ESTÁ CERTO DESSA VEZ

Aos 202 anos, Marx não está certo desta vez
Fernando Moyano – Uruguai - Original en Castellano 




"O processo de produção capitalista, considerado em sua interdependência ou como um processo de reprodução, então, não apenas produz bens, não apenas produz mais-valia, mas também produz e reproduz a própria relação capitalista : por um lado, o capitalista ; por outro, o empregado " . (El Capital, LI, C.11)

Outro dia 5 de maio, outro aniversário de Carlitos. Tudo mudou e tudo permanece o mesmo. Tudo permanece o mesmo e tudo mudou. Já sabemos que tudo mudou, antes de mais nada, o enorme desenvolvimento das forças produtivas neste tempo, o acúmulo de riqueza e a capacidade de produzi-lo, e mudou a face da Terra e o modo de vida, muito além do que é desejado. No entanto, a estrutura social básica não mudou, nem a diferença na forma de apropriação e distribuição da riqueza. Pelo contrário, a desigualdade foi acentuada e com ela todas as formas superestruturais correspondem e reproduzem essa desigualdade. Tudo permanece o mesmo porque o mecanismo pelo qual a relação social capitalista se reproduz não mudou nada. Mas tudo mudou porque as condições para continuar a reprodução atingiram limites extremos de tensão.

terça-feira, 5 de maio de 2020

DERROTA IMPERIALISTA EN VENEZUELA

Derrotada escaramuza del terrorismo imperialista en Macuto
Reproduzimos abaixo declaração da TMB - Argentina sobre a provocação imperialista contra a Venezuela



Fracasa en la madrugada del domingo, 3 de mayo, una tentativa mercenaria pro-imperialista para asediar a Venezuela desde la frontera marítima con Colombia. EL Pentágono repite como farsa la derrota da Bahía de los Cochinos, ante el estado obrero cubano en 1961. Ahora, contra el gobierno bolivariano de Maduro. El imperialismo intenta una maniobra mercenaria armada desde la CIA para asediar a un régimen que le resulta molesto.

sábado, 2 de maio de 2020

GRÃ BRETANHA

Defenda Steve Hedley, defenda a democracia sindical!
Trotskyist Faction - Grã Bretanha
Steve Hedley

A Facção Trotskista da Luta Socialista dá total apoio a Steve Hedley, Secretário Geral Adjunto do Sindicato Ferroviário, Marítimo e de Transporte (RMT), contra os ataques cruéis dos Tories e da máquina de propaganda midiática de Murdoch.

Steve Hedley foi suspenso de sua posição depois de fazer recentemente comentários 'ofensivos' no Facebook. Respondendo a outro comentário em uma publicação no Facebook, ele disse: "Não quero ofender você, mas se Bojo [BOris Johnson] bater as botas, farei uma festa". Mais tarde, ele acrescentou: "Espero que todo o gabinete e os escalões mais altos do partido Conservador tenham tocado em vários pedaços dele". Depois dessas observações, Johnson foi internado no Hospital St. Thomas, em 5 º de abril, após a piora de seus sintomas Covid-19.

PANDEMIA, KEYNES, 'IMUNIZAÇÃO DE REBANHO'

"A longo prazo, todos estaremos mortos" (Keynes)

Fernando Moyano – Uruguai - Original en Castellano


É incapaz de governar, porque é incapaz de garantir a existência de seus escravos mesmo dentro de sua escravidão, porque é forçada a deixá-los chegar a uma situação de desamparo na qual não tem escolha a não ser apoiá-los, quando são eles que devem mantê-lo. ela. A sociedade não pode continuar vivendo sob o império dessa classe; a vida da burguesia tornou-se incompatível com a sociedade. 

O economista britânico John Maynard Keynes, autor da frase que adotamos no título (não o outro do economista, que é do Manifesto Comunista) e que muitos trazem em conta hoje, estava totalmente errado sobre isso.

No Uruguai, até o momento que esse texto é escrito, existem 15 mortos e 606 infectados pelo coronavírus. As informações que as autoridades fornecem são a desinformação sistemática, tentando esconder a gravidade da situação. O novo presidente citou "Keynes" esses dias e parece não saber do que está falando.

sexta-feira, 1 de maio de 2020

1o DE MAIO 2020 - DECLARAÇÃO INTERNACIONAL

Declaração Internacional pelo dia do Trabalhador de 2020

Frente Comunista dos Trabalhadores (Brasil)
Tendência Militante Bolchevique (Argentina)
Socialist Worekers League (EUA)
Trotskyist Faction of Socialist Fight (Grã Bretanha)
Socialist Fight (Grã Bretanha)
Socialist Party (Bangladesh) 




Neste primeiro de maio, a classe trabalhadora enfrenta as terríveis circunstâncias da pandemia de Covid-19, que desatou uma crise capitalista mundial que estava latente. Essa situação vem provocando uma das maiores mortandades desde a Segunda Guerra Mundial. As causas da pandemia estão ligadas à relação antagônica com a natureza que o capitalismo impôs à humanidade por sua busca de lucro acima de todas as considerações de sustentabilidade e racionalidade desestabilizou o clima a ponto de ameaçar a existência humana. Assim como o perigo imediato de um grande número de vulneráveis, doentes, deficientes e idosos morrendo ou incapacitados pela doença, os trabalhadores e os oprimidos enfrentam um perigo sem precedentes de perda de meios de subsistência e, em muitos lugares, até a fome em massa da população com a enorme crise econômica do capitalismo que a pandemia cristalizou.

quinta-feira, 30 de abril de 2020

ZIMBABUE - 1o DE MAIO

Declaração do UFAWUZ para o dia 1o de maio do 2020
Sindicato dos Trabalhadores da Alimentação e dos trabalhadores afins do Zimbábue (UFAWUZ)
30 de abril de 2020
"Somos trabalhadores, não servos"
"Trabalhadores do mundo uni-vos!", disse Karl Marx na época. Permitam-me que comece saudando a atitude internacionalista do governo cubano enviando os médicos cubanos para o serviço internacional para Itália, Espanha, China, África do Sul etc. na luta contra o Covid-19, apesar do embargo ilegal de mais de cinco (5) décadas contra o ilha pelos Estados Unidos imperialistas da América.

GOVERNO BOLSONARO: O QUE É E COMO AINDA SE SUSTENTA

Cachorro louco dos banqueiros, blindado pelos militares



O governo de Bolsonaro conduz a população brasileira para a morte. O coronavírus tornou-se um aliado incidental na guerra de classes. O fenômeno do bolsonarismo ascendeu ao poder após um golpe de Estado parlamentar (2016) e uma fraude eleitoral (2018).

É um tipo de nazismo colonial contemporâneo. Nacionalista de palavras, entreguista ao extremo na prática, por ser colonial. Sob orquestração dos EUA, no governo Trump, foi implantado no país com a mais profunda tradição escravocrata da era burguesa. O Brasil foi onde a escravidão teve maior tempo de duração e a maior quantidade de pessoas foram escravizadas.

GRÉCIA - SOB O REGIME DE PROIBIÇÃO DE DIREITOS COLETIVOS E INDIVIDUAIS

Sob o regime de proibição
de direitos coletivos e individuais
Nenhuma solidariedade com os patrões e seus agentes políticos na proibição de direitos coletivos e individuais!
Ação Comunista Revolucionaria - KED ★ Avantgarde

Sob o pretexto de limitar o contágio do coronavírus, o governo grego ameaça os direitos democráticos, coletivos e individuais. Qualquer protesto sindical ou político está sendo perseguido, pois agora seriam movimentos desnecessários. Estão chovendo multas por qualquer tipo de protesto. E também ações da polícia que violam deliberadamente os direitos democráticos, enquanto para o abuso de poder foi dada imunidade por tempo indeterminado.

quarta-feira, 22 de abril de 2020

150 ANOS DE LENIN

150 anos de Lenin

Há 150 anos nascia Vladimir Ilyich Lenin, quem melhor aprimorou a forma de organização dos explorados para a luta política e para a tomada do poder pelos trabalhadores desde o advento do marxismo na luta de classes. Reunimos abaixo as melhores publicações de Folha do Trabalhador em homenagem ao grande revolucionário bolchevique:


Sobre a questão da Dialética
V.I.Lenin

Marxist Internet Archiv publica "Sobre a Questão da Dialética" de Lenin traduzido por Folha do Trabalhador

La consciencia de clase y el partido revolucionario

Combater o Golpe sem defender o governo

sábado, 18 de abril de 2020

BANGLADESH - O CRESCIMENTO DO MOVIMENTO OPERÁRIO

História do crescimento do movimento operário em Bangladesh
Partido Socialista, BD 
Trabalhadoras têxteis em Bangladesh em luta por aumento salarial, em 10 de janeiro de 2019, em Daca

É verdade que o movimento operário começou na Europa durante a revolução industrial. Anteriormente, a ideia enfrentava grande resistência. No entanto, o movimento trabalhista foi ativo no início e meados do século XIX e vários partidos e sindicatos foram formados em todo o mundo industrializado. O movimento trabalhista tem um passado muito longo nesta região, embora a industrialização tenha ocorrido muito tarde em Bangladesh. O início da agitação trabalhista no subcontinente indiano foi em Bengala.

terça-feira, 14 de abril de 2020

SOLIDARIEDADE A LUTA ANTIFASCISTA EM DONBASS

Os comunistas da Grã-Bretanha, América Latina e Estados Unidos apoiaram o apelo do PCUS atentos as hostilidades que se desenvolvem no Donbass 
13/04/2020


Caros camaradas

Enviamos saudações de solidariedade do Reino Unido a todos os que vivem sob um governo ilegítimo infestado de fascistas na Ucrânia, defendendo e construindo as repúblicas anti-fascistas nas Donbas, e às centenas de milhares forçadas ao exílio pela repressão política, ataques de fascistas gangues e austeridade econômica.

domingo, 12 de abril de 2020

CONVERSA COM FRANK FITZMAURICE

"Uma reviravolta pró-imperialista da ultra esquerda"

Reproduzimos trechos da primeira conversa entre o camarada Humberto Rodrigues (FCT-Brasil) e Frank Fitzmaurice (SF-Grã Bretanha) em 02/09/2017. Frank faleceu no dia sete de abril de 2020. Na expressão acima, que titula essa publicação, Frank resume o giro que acometeu a Liga Internacional dos Trabalhadores, corrente internacional da qual o PSTU é a seção brasileira. Na conversa também são abordados o WRP, a ISL, Nahuel Moreno, "revoluções democráticas" na Líbia e Síria,...

Original dialogue in English on the Trotskyist Fraction page
É assim que eu quero ter 106 anos. Talvez não seja tão agradável, mas desejo ter a mesma atitude. Esta era uma mulher armênia que guardava sua casa em 1990, aos 106 anos [a imagem faz parte do mural de Frank no facebook e foi publicada pelo mesmo poucos dias antes da conversa abaixo]
Humberto Rodrigues: Oi Camarada.

Frank Fitzmaurice: Olá Humberto.

Humberto Rodrigues: Por muito tempo, quero falar com você, precisamos fortalecer nossos laços de amizade. Perdoe-me pelo meu precário uso da língua inglesa. 

Frank Fitzmaurice: Seu inglês é bom. Como vai você? Muito melhor do que o meu português, que não existe.

Humberto Rodrigues: Sem problemas. De onde você veio, politicamente? 


Frank Fitzmaurice: Eu estava no WRP com Gerry [Downing, dirigente do Socialist Fight]. Depois da expulsão de Healy, nosso grupo iniciou conversações com a LIT [Liga Internacional dos Trabalhadores] e ingressamos nessa organização em 1988 e nos tornamos a seção britânica da LIT, a ISL [Liga Socialista Internacional, em português]. [Depois de 2011] Alguns de nós saíram após divergências sobre a política da LIT na Líbia.

sábado, 11 de abril de 2020

FRANK FITZMAURICE (1938 - 2020)

Frank Fitzmaurice (1938-2020),
Presente em nossas lutas!
Hoje e sempre!
Humberto Rodrigues


Lamentamos anunciar a morte do camarada Frank Fitzmaurice (1938-2020). Conheci Frank em 2015, ele era um ativista do movimento trabalhista, membro do Socialist Fight, do Comitê de Ligação pela IV Internacional. Anteriormente ele fizera parte da ISL (Liga Socialista Internacional), originalmente de um grupo morenista em Liverpool.

terça-feira, 7 de abril de 2020

GEOPOLÍTICA E CORONAVIRUS

Não é uma economia de guerra, é uma bomba de nêutrons
Por Gian Paolo Caselli - Revista Limes - Itália

por Laura Canali

A pandemia desencadeou uma crise muito mais rapidamente do que em 1929 e 2008. A linguagem da guerra usada para descrevê-la não é totalmente correta. A crise financeira e econômica originária da nova pandemia de coronavírus é diferente das duas grandes crises econômicas anteriores. Tanto a de 1929 quanto a de 2008.

GRÃ BRETANHA: BORIS JOHNSON E SUA ARROGÂNCIA SOCIAL-DARWINISTA E SUICIDA NA UTI

Arrogância social-darwinista suicida de Boris Johnson
Ian Donovan - Trotskyist Faction of Socialist Fight (Grã-Bretanha) 


O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Boris Johnson, está hoje na UTI do Hospital St Thomas's de Londres, em tratamento intensivo, recebendo oxigênio em um ventilador duas semanas depois de contrair Covid-19 e ter o seu quadro clínico evoluído para uma situação grave. É possível que ele não sobreviva à pneumonia viral desencadeada. Essa é possivelmente a demonstração mais chocante e proeminente até agora da natureza muito perigosa do vírus Coronavirus-Sars-2, responsável por essa pandemia. Os próprios ministros de Johnson começaram a enfatizar que o vírus não discrimina suas vítimas e pode infectar ou matar qualquer pessoa. Mesmo um primeiro-ministro conservador, educado e formado no internato de elite Eton College, pode ser derrotado por ele!

segunda-feira, 6 de abril de 2020

COVID-19 E CRISE CAPITALISTA - DECLARAÇÃO INTERNACIONAL

A Pandemia de Covid-19 e a Crise Capitalista Mundial – Declaração Internacional

Os grupos revolucionários da classe trabalhadora abaixo-assinados exigem a proteção de todos os trabalhadores e oprimidos dos perigos causados ​​pela pandemia de Covid-19, que é a ameaça mais perigosa para a saúde e a vida dos oprimidos em nossa época. Trabalhadores particularmente idosos, aposentados, deficientes, aqueles com condições precárias de saúde, prisioneiros, empobrecidos e aqueles em países como o Irã, Palestina ocupada, Gaza, Cuba, Venezuela e Coréia do Norte, que são alvo de sanções por fome e privação bárbara de suprimentos e serviços médicos básicos do imperialismo e seus aliados, e particularmente também de muitas pessoas oprimidas que vivem em nações semicoloniais empobrecidas da África, Ásia, América Latina e Oceania.

quarta-feira, 1 de abril de 2020

1964 - 2016 - 2020

56 anos de 1964, quatro anos de 2016 e a tática miserável da esquerda brasileira

Há 56 anos a população trabalhadora do Brasil sofreu um Golpe de Estado. Há quatro anos, sofreu outro. A redemocratização do país, entre 1985 e 2016 foi produto das lutas de resistência da classe trabalhadora contra a ditadura do capital. O mesmo vale para as lutas atuais contra a nova ditadura que se instaura agora não mais pela ocupação imediata das ruas por tanques, mas pela tática das “aproximações sucessivas”, como expôs o próprio General Mourão em 15/09/2017, hoje vice presidente e candidato a substituir Bolsonaro em uma trama palaciana com o apoio da centro-esquerda brasileira. Essa tática é o método do processo atual, golpe parlamentar, governo tampão do vice, nada de movimentos militares clássicos, lawfare, guerra híbrida, eleição fraudada, ocupação “em massa” por militares de postos do executivo que sempre foram ocupados por civis.

quinta-feira, 26 de março de 2020

OU EMPREGO OU SALÁRIO?

Neonazista aproveita-se do Coronavirus para avançar na escravização dos trabalhadores e ameaçar com um golpe dentro do golpe


Mesmo em relação aos outros governos de direita que fazem alguma demagogia social, Bolsonaro é diferente. Ele tira na caradura dos pobres, libera a redução dos salários, autoriza demissões, orienta a que todos suspendam a quarentena e fiquem vulneráveis. Isso se comprova com a forma selvagem, anticientífica, cruel com que governo e os empresários do Brasil vem usando a questão da pandemia.

sábado, 7 de março de 2020

8/3 - DIA DA TRABALHADORA

“Não te estupro porque você não merece!”

O político escroto que gritou a frase entre acima foi guindado a presidente pela classe patronal do Brasil e pelos EUA. Ele falou isso duas vezes contra uma deputada federal. E pior, essa escrotice fez parte da propaganda eleitoral dele para sua base apoiadora de homens e mulheres machistas.

sábado, 22 de fevereiro de 2020

PETROLEIROS E 18 DE MARÇO

Retomar a greve petroleira, na construção de uma Greve Geral no dia 18 de março

Mensagem de solidariedade a greve petroleira e Convocatória do Movluta,
movimento de oposição dos servidores públicos federais, para o dia 18 de março
Os petroleiros do Brasil realizaram sua maior greve desde maio de 1995. Na paralisação iniciada em primeiro de fevereiro de 2020, foram mobilizados 21 mil operários em 121 unidades do sistema Petrobrás. Isso significa que o movimento paralisou 58 plataformas, 24 terminais, 8 campos terrestres, 8 termelétricas, 3 Unidades de Tratamento de Gás (UTGs), 1 usina de biocombustível, 1 fábrica de fertilizantes, 1 fábrica de lubrificantes, 1 usina de processamento de xisto, 2 unidades industriais e 3 bases administrativas, distribuídos em 13 estados da federação: Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

domingo, 2 de fevereiro de 2020

BOLSONARO X MORO, 2022

Com o apoio da oposição e realizando os sonhos de consumo do capital, Bolsonaro e Moro se engalfinham por sucessão de 2022




1. Dois agentes dos EUA: Moro pelos Democratas, Bolsonaro por Trump
2. Governo Bolsonaro, o paraíso mundial do capital financeiro
3. “Ditadura democrática” do imperialismo e do capital financeiro
4. Teocracia e “demo-cracia”

5. A Contrarrevolução Passiva e Permanente
6. Lula e PT, de Golpeados a Cúmplices

O jornalista Vinicius Torres Freire publicou, no dia 26 de janeiro, na Folha de São Paulo, o artigo: “Sem oposição, direita se dá ao luxo de brigar e discutir 2022”. A constatação é verdadeira. A estabilidade do governo não reside nas qualidades do mesmo, mas na ausência de qualquer resistência, nem oposição proletária organizada, nem burguesa. Quem se move e não encontra resistência, tem o caminho livre. O governo pode saciar os apetites mais vorazes do capital.

segunda-feira, 6 de janeiro de 2020

EUA-IRÃ

Condenar o Assassinato de Suleimani pelo Estado-Terrorista dos EUA!
A provocação de Trump e do sionismo contra o Irã impulsiona o risco da 3ª Guerra Mundial: Condenar o assassinato de Suleimani pelo Estado-Terrorista dos EUA!
por Ian, Socialist Fight 



O assassinato de Qassem Suleimani, em Bagdá, comandante da força de elite Quds do Irã, é uma declaração de guerra do governo Trump e joga por terra completamente tudo o que restava do acordo nuclear de Obama com o Irã. Isso foi calculado. O ataque também matou Abu Mahdi Muhandis, vice-comandante das Forças de Mobilização Popular (PMF), uma frente de guerrilhas islâmicas xiitas no Iraque aliadas ao Irã. Depois disso, Trump enviou mais 3.000 soldados dos EUA para o Oriente Médio para 'proteger' os ativos dos EUA.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

2013, O SECTARISMO DO PT E O OPORTUNISMO DO PSOL

2013, o sectarismo do PT e o oportunismo do PSOL


O oportunismo e o sectarismo são as duas principais enfermidades das organizações de esquerda dos trabalhadores. Normalmente, a ala esquerda costuma acusar a direita de oportunista. Por sua vez, a ala direita costuma acusar a ala esquerda de sectária. Todavia, reanalisando um dos mais importantes episódios da luta de classes no Brasil houve uma inversão de papéis. Em seus balanços de 2013, Lula (PT) subestimou a frustração popular com seu projeto de governo colaboracionista e Juliano Medeiros (PSOL), subestimou a conspiração imperialista.

domingo, 29 de dezembro de 2019

DOMENICO LOSURDO, UM FARSANTE

Domenico Losurdo, um Farsante de sucesso na terra dos Papagaios

Mário Maestri*





Domenico Losurdo e sua biografia - “Stalin: história crítica de uma legenda negra”- foram consagrados no Brasil, o primeiro como intelectual marxista iconoclasta e a segunda como sua brilhante obra revisionista de mitos históricos consolidados. Não era para menos. O homem propôs fatos totalmente desconhecidos, todos contribuindo para resgatar o papel gentil e progressista do “Pai dos Povos”. Propõe ou sugere, por exemplo, campanha terrorista contra a URSS -assassinatos, sabotagens de trens, etc.- organizada por Trotsky desde o exterior. Nada, portanto, mais justo do que o massacre de algumas dezenas de milhares de comunistas internacionalistas na URSS pelo estalinismo!

sábado, 28 de dezembro de 2019

ARGENTINA

Organizar a la lucha de los trabajadores en contra el gobierno de Alberto Fernandez y la oposición macrista

Reproduzimos abaixo o artigo da Tendência Militante Bolchevique da Argentina chamando os trabalhadores a constituir uma oposição proletária de esquerda contra a direita macrista e o novo governo capitalista de Alberto Fernandez, a partir da autoridade dos que estiveram junto com as massas nas lutas de rua e na derrota eleitoral do macrismo .


Los ganadores del ajuste que esta impulsando Fernández, por ahora, son los tenedores de títulos de deuda en pesos cuyo calendario de pago se cumple rigurosamente. Hay perdedores en la burguesía agroexportadora – por los impuestos que puso, las llamadas “retenciones” clave para obtener los dólares que le permitan cumplir con el pago de la deuda. A
sí y todo, el nuevo gobierno puso un régimen de segmentación y compensaciones para los “pequeños productores” es decir la clase media rural.

CEARÁ: PT PAVIMENTA CAMINHO DA REAÇÃO

Camilo, o melhor cabo eleitoral do Capitão

Governo Camilo-Ferreira Gomes ataca seu eleitorado e pavimenta o caminho da direita com políticas neoliberais, arrocho salarial, reforma previdenciária, repressão a juventude, inferno nas penitenciárias.




O governo de Camilo Santana (PT-PDT) não é um ponto fora da curva entre os governadores do Nordeste. Pertence ao grupo dos mandatários de esquerda que implementam a famigerada reforma previdenciária em seus estados. E essa não é a única política neoliberal imposta por eles contra seu eleitorado.

quarta-feira, 25 de dezembro de 2019

CEARÁ - PT E CIRO

Breves Reflexões sobre a Contrarreforma da Previdência de Camilo Santana, as Lições de Maquiavel e a Luta Política

Frederico Costa *


Quando fizer o bem, faça-o aos poucos. Quando for praticar o mal, é fazê-lo de uma vez só. 
Maquiavel 

O presente texto constitui um esboço de reflexões pessoais sobre a atual conjuntura e suas conexões com a defesa da Universidade Pública.

Luciano Gruppi (1980), em texto clássico, afirmou que Nicolau Maquiavel (1469-1527) estabeleceu as coordenadas da ciência política entendida como disciplina autônoma, separada da moral e da religião. Nesse sentido, para Maquiavel, o Estado não tem mais a função de assegurar a felicidade e a virtude, como indicava Aristóteles. E, também, não é como afirmava o pensamento medieval, uma preparação dos homens para Reino de Deus. Em Maquiavel, o Estado passa a ter suas próprias características, faz política e segue suas próprias leis.

terça-feira, 24 de dezembro de 2019

ORIENTE MÉDIO

Derrotada mais uma Jornada de
"Pressão Máxima" dos EUA contra o Irã


Entre os meses de outubro e meados de dezembro de 2019 ocorreram “revoltas populares” no Líbano, Iraque e Irã. Essa foi a primeira jornada internacional de protestos na região desde a chamada "primavera árabe", ocorrida há  quase uma década. Essas manifestações seguiram roteiros repetidos na última década e nos dão boas pistas de como o jogo é jogado hoje. Surgem como espontâneas rebeliões contra a corrupção, inflação, ditaduras, opressão clerical. Mas, em um certo estágio de seu desenvolvimento, manipuladas por direções contrarrevolucionárias, pró-imperialistas, são desviadas para atender aos interesses do grande capital internacional. Alguns destes protestos populares, como o que ocorreu na Líbia em 2011, se revelam como manipulados desde o princípio. São operações de guerra híbrida manipuladas pelos EUA e Israel, que possuem e financiam ditaduras monárquicas, corruptas, teocráticas e sanguinárias, como a da Arábia Saudita, seu principal governo aliado na região.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

CORÉIA DO NORTE

Solidariedade Incondicional com a República Democrática da Coréia

Mário Mestri*


Em 29 de novembro, o psolista Leonel Brizola Neto apresentou à Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro “Moção de Louvor e Reconhecimento” à República Democrática da Coréia.  Apoiava sua proposta no “esforço de seu povo e de seu Máximo Dirigente, Excelentíssimo Senhor Kim Jong-Un, na luta pela reunificação da Coréia e a necessária busca da paz mundial". A declaração foi entregue ao embaixador daquele país e publicada na agência estatal de notícias norte -coreana.  A iniciativa teve a quase nula repercussão habitual das inumeráveis outras moções de louvor apresentadas pelos édiles cariocas e nacionais, que homenageiam do time de várzea de seu município ao pedicure do vereador proponente.

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

MAGISTÉRIO - RIO GRANDE DO SUL

Greve ou Escravidão

Grupo de Estudos Marxistas Fronteira Vermelha 

Publicamos abaixo o informe do GEM-FV do Rio Grande do Sul sobre a heroica greve dos trabalhadores em educação gaúchos contra o “Pacote da Morte”



Em 14 de novembro, às vésperas de viajar aos Estados Unidos, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), protocolou na Assembleia Legislativa o seu tão alardeado Pacote de Reestruturação do Estado. Esse conjunto de medidas, que prevê mudanças profundas nas carreiras do funcionalismo público, é amplamente rechaçado pelo conjunto de trabalhadores/as das mais distintas áreas do executivo estadual. O magistério, maior categoria funcional do Rio Grande do Sul, frente a real possibilidade de perder conquistas históricas e de ver a aplicação do Piso Salarial Nacional, sobre o Plano de Carreira ir por água abaixo, está em greve!